Transei com 3 ao mesmo tempo

Olá, sou mulher mas sou do tipo que gosta de sexo e resolvi escrever para contar o que aconteceu comigo, sou morena, baixinha apenas  1,52 de altura,tenho um corpo normal 48 kilos, não sei se tem algo que destaque em mim, eu me acho magrinha, eu  me casei bem novinha, aos 16 anos porque tive o azar de engravidar do meu marido, e foi com ele minha primeira vez, estou casada até hoje que ja tenho 35 anos, e até então eu só tinha meu marido como homem, e esse fato que vou relatar só aconteceu devido a traição por parte dele a uns 5 anos atrás, eu descobri, discuti muito com ele mas ele me convenceu que foi apenas uma aventura, sexo e nada mais, e que eu era a mulher que ele amava etc e tal, mas eu fiquei sabendo que ele continuava o mesmo, só que eu não tinha coragem de me separar por causa do filho que era muito ligado ao pai.

E por conta disso, inconformada com a situação fiquei mais vulnerável,  e acabei me envolvendo sexualmente com Julio, o dono do estúdio de fotografia em que eu trabalhava, a a primeira vez que aconteceu foi no estúdio mesmo, a gente estava sozinhos, conversa vai conversa vem, rolou um beijo, depois desse beijo rolamos ali mesmo no sofá onde aconteceu da gente transar pela primeira vez, e ´por conta da traição do meu marido eu nem me senti culpada, enfim, acabamos saindo e transado mais algumas vezes e na hora da transa ele sempre me citava suas fantasias sexuais e a principal era menage a três, e me perguntava o que eu achava, imaginando ser apenas fantasias eu dizia que nunca tinha feito mas que devia ser legal, ele me perguntava o que eu achava de transar com dois caras ao mesmo tempo, eu respondia sempre com evasivas dizendo que nunca fiz como eu saberia o que dizer, e depois que a gente acabava a transa saia do motel e ia pra casa e não falávamos mais nisso, mas ele sempre repetia essa fantasia na hora da transa e me perguntava o que eu achava, e eu um dia teria coragem até que eu falei que não era a minha fantasia, mas poderia ser interessante.
Normalmente a gente não trabalhava no sábado a não ser quando havia algum serviço para terminar, e num sábado por volta das 10 hs da manhã o Emerson me ligou e falou se eu podia  ajudar ele num serviço de ultima hora que tinha aparecido que ele tinha marcado para a parte da tarde, perguntei o que era, ele falou que era umas fotos  para um amigo dele que precisava montar um book  para mandar para uma agencia, que se eu pudesse ir com ele ele passaria em casa pra me pegar e a gente almoçaria lá mesmo no local, eu disse que tudo bem, que ele me desse uma hora pra eu ajeitar as coisas em casa com o marido e o filho e eu iria mais tranquila.

Estava bem calor, coloquei um conjunto se blusinha e saia  de um tecido fino e bem arejado, apesar do vestido ser fino era comportado pouca coisa acima do joelho apesar de eu ter pernas bonitas, e o decote  deixava meus seios em destaque porque eu não estava usando sutiã por causa do calor, mas nada tão ousado que chamasse a atenção demasiadamente, passaram uma hora e pouco ele chegou, deu uma buzinada eu sabia que era ele, me despedi do marido e do filho  que ficaram em casa,  quando me aproximei e entrei no carro dele ele olhou pra mim e rasgou um elogio dizendo que eu tava linda e gostosa, era normal ele falar assim de mim quando eu usava esse tipo de vestido, durante o caminho ele já foi me bolinando com sua mão direita enquanto dirigia com a esquerda, passava na minha coxa  me alisando como sempre fazia quando a gente ia pra algum Motel, namorar, e como ele tomou outro rumo que não era o local do nosso estúdio perguntei onde a gente ia, mas ele  me disse que a locação das fotos seria numa chácara nos arredores,   durante todo o trajeto alem de me bolinar ele me provocava falando algumas sacanagens enquanto passava a mão nas minhas coxas e na minha xoxota por cima da calcinha mesmo se o intuito dele era me provocar e deu certo porque fiquei excitada.

Tão excitada que eu estava que nem pisquei quando ele me pediu que que abrisse a braguilha e o chupasse,  tirei seu pau pra fora e comecei a chupa-lo enquanto dirigia e nem percebi que ele tinha parado em um semáforo e  continuei, até que  ao virar a cabeça olhei pra cima ao lado tinha um ônibus urbano cujo passageiros todos estavam nos olhando, quase morri de vergonha, fiquei tão sem jeito que parei na hora, não demorou muito e o sinal abriu,e já estávamos saindo  do perímetro urbano. continuamos rodando por mais uns 20 minutos  ele não parava de me bolinar, até que chegarmos ao local, entramos em  uma chácara onde eu supunha ser o local das fotos, entramos na casa uma ampla sala, percebi logo que era um lugar cujo proprietário devia ser cheio da grana porque era uma bela duma casa, com um belo jardim na frente, e logo na entrada podia se ver um lago com um deck que ia até o centro desse lago, onde tinha uma cobertura e várias cadeiras de sol, um lugar muito lindo mesmo, um lugar excelente pra fotos.

Entramos logo o amigo do Julio veio nos receber, e antes de começarmos qualquer coisa me perguntaram se eu queria comer algo antes deles começarem, eu falei que seria bom, então eles foram até a geladeira tiraram uma lasanha colocaram no micro ondas enquanto o tal amigo fritava umas batatinhas, logo estava a mesa um belo tira gosto, não era um almoço mas dava pra matar a fome acompanhada de uma cerveja geladinha, durante a refeição os dois não paravam de me olhar de cima abaixo, mas almocei tranquila achando que estava tudo bem, depois de comermos o Julio sentou-se no sofá junto com o Marcos, olhou pra ele apontando pra mim  falou, agora que tal uma sobremesa no capricho,  e me chamou para sentar no meio deles dois, foi quando o Julio me falou que era eu a sobremesa que eles queriam, na hora fiquei atônita com a ousadia do Julio, a gente já tinha saído algumas vezes, mas  agora ele estava me oferecendo para o amigo, foi quando me lembrei das fantasias dele, ele tinha preparado tudo para um menage, pelas sacanagens dele durante o trajeto no fundo eu já imaginava que ia rolar  algo com a gente, porque nós tinhamos uma quimica sexual muito forte, mais não passou pela minha cabeça que séria com os 2, muito menos com 3,  o desgraçado do Julio tinha armado tudo sem me dizer nada, até porque se dissesse eu jamais concordaria, o Julio então levantando-se me puxou pelas mãos levantou meu braço acima da cabeça, e como alguém que expõe uma mercadoria me fez dar um giro olhando para o Marcos falou, ela não gostosa e é linda como eu te falei, ele disse sou obrigado a concordar, inclinando-se sussurrou em meu ouvido, hoje o dia promete, lembra-se das nossas fantasias, vai ser hoje, e falou porque não termina o que começou no carro.

Foi dizendo isso e levantando meu vestido deixando minhas coxas e a calcinha a mostra, exibindo-me para o  Marcos, e baixou minha calcinha ali mesmo na frente do Marcos, sentando-se novamente no sofá  ordenou que eu o chupasse, mesmo eu morta de vergonha  me sujeitei, ajoelhei-me no chão e comecei a chupar o Julio que estava sentado no sofá, , e enquanto eu o chupava  o Marcos se masturbava, até que ele não aguentando-se  veio por traz de mim ajoelhou-se e começou a me chupar, nesse momento eu fiquei maluca de tesão, rebolei  na cara dele, enquanto ele lambia e chupava minha buceta alternadamente ele  passava a língua no meu cuzinho me levando  ao delírio, não demorou muito o Julio levantou-se do sofá, veio por trás encaixou seu pau na minha buceta e começou a me penetrar no inicio devagar, mas não demorou muito pra ele começar a

bombar furiosamente eu  sentia ele tocar lá no fundo me proporcionando muito prazer, e o Marcos só olhava enquanto massageava seu pau enquanto o Julio me Fodia o Marcos se posicionou na minha frente e me deu o pau dele pra eu chupar, cacete esse que era mais grosso e mais comprido do que o do Julio que socava com força, empurrando a minha cabeça contra o cacete do Felipe numa gostosa e demorada tortura,eles não gozavam de jeito nenhum, ainda sem gozar logo em seguida o Julio sentou numa cadeira e  pediu que eu sentasse bo colo dele, o que eu fiz, segurei o seu pau com a mão direcionando a minha buceta, sentei em cima encaixando-o totalmente dentro de mim, e abraçados começamos uma gostosa transa nessa posição, eu um pouco inclinada pra frente senti que o Marcos pincelava meu cuzinho com a cabeça do seu pau, pensei comigo esses dois estão querendo me fazer uma dupla penetração, apesar da ideia me apavorar eu sentia um certo delírio de prazer,  eu jamais tinha feito algo assim, alias nem nas minhas mais loucas fantasias sexuais, lodo em seguida ele começou a dedilhar o meu cuzinho, confesso que me excitava essa caricia, primeiro enfiou um dedo, lubrificando meu cuzinho com um creme, até que ele veio por trás posicionando a cabeça do pau na porta do meu cuzinho e forçando meu corpo contra o do Julio para que minha bunda ficasse mais exposta e facilitasse a DP, que loucura,nunca tinha feito isso, e agora eu estava me sujeitando a isso, .. ele que já tinha lubrificado bem  cuspiu novamente na minha bunda e foi colocando bem devagar,e eu gemia no ouvido do Julio que ficava ainda mais excitado, então Julio com as mãos segurou nas minhas nadegas e foi abrindo  minha bundapara 

facilitar o trabalho do Marcos a penetrar-me por traz, que imediatamente começou a socar aquela vara, caramba confesso que me arrependi de ter deixado, porque o pau dele era muito maior e mais grosso do queo  do Julio, apesar dele não forçar logo duma vez estava me incomodando pra caramba, mas enquanto o Julio com movimentos sutis comia minha buceta, o Marcos  colocava até a metade e depois tirava  o pau do meu traseiro, até que em um movimento inesperado ele  enterrou tudo de uma só vez no meu rabo,me forçando pra frente contra o corpo do Julio, nesse momento vi estrelas, e os 2 começaram um vai e vem simultâneo, até trocarem de posição, foi dolorido pois o pau do Marcos que era bem grosso, doeu um bocado pra entrar mais não demorou eu  acostumei e até gozei, logo depois inverteram as posições o Marcos deitado de costas na cama eu fui por cima porque o Julio queria me comer por trás tb, 

Eis que de repente ouço o barulho da porta, era alguém tentando abrir mas não conseguia por estar trancada, então o Julio saiu da posição que estava no intuito de abrir a porta, eu fiquei apreensiva, mas ele disse que não era pra eu parar, apesar da foda com o Marcos estar gostosa fiquei tensa, até que o Julio voltou trazendo outro amigo dizendo que ele

também iria participar da festa, sem parar de foder do o Marcos, eu esbravejei com  Julio dizendo em tom de bronca, Puta que Pariu Julio, vc armou tudo isso e nem me falou nada, ele com uma risada bem sacana falou pois é, seu eu tivesse falado vc aceitaria? Resumindo a história, o André, recem chegado, já foi tirando a roupa subiu na cama ficando em pé, foi logo  pedindo pra chupa-lo enquanto estava em cima do Marcos e o Julio já estava novamente penetrando no meu cuzinho, nesse momento eu estava com tosos os meus buracos preenchidos,  o André  batia na minha cara e me chamava de puta, de vadia, e ele tinha razão porque naquela hora era o que eu estava sendo, não demorou muito senti o pal do Julio pulsando no meu cuzinho, ele estava gozando, depois que ele gozou tirou seu pau do meu cu, e o André foi que  veio tomar o

lugar do Julio nessa orgia, como o pau dele não era nem grande e nem grosso, para quem já tinha levado o pau do Marcos que quase tinha me arrombado e o pau do do Julio,  nem senti o do André, enquanto o André me fodia por trás, senti o Marcos gozar na frente,e o André não demorou muito a gozar também, como o Marcos já tinha me comido por trás e por frente, gozado nas duas áreas de lazer, saiu debaixo de mim, foi a véz do André vir me comer na posição de papai e mamãe, o André que chegou por ultimo, foi o cara que me comeu, mas na sopa dos outros dois machos que havia me fodido.

Essa foi a primeira e a unica vez que isto aconteceu, porque ao sairmos dali, eu dei a maior bronca do Julio que muito safado me provocava dizendo, mas vc gostou não gostou? Para não lhe dar esse gostinho eu dizia que só fiz o que fiz porque cai numa armadilha que voce armou,  mas no fundo eu tinha gostado sim  porque foi uma experiencia diferente e unica, até hoje jamais fiz outra loucura como essa..

.,
.